• Em concurso recente de amplitude nacional, tive uma de minhas poesias de cordel selecionadas para fazer parte de uma Antologia Poética a ser publicada em breve. Farão parte do livro 250 poetas de diversos estilos escolhidos entre mais de 2000 inscritos. A poesia selecionada foi Dunas de Natal cujo mote foi: “Passeando nas dunas tão desérticas, percebi como é grande a natureza”. É um martelo com versos em decassílabos.